Bombeiros resgatam lancha que afundou no Rio Araguaia
julho 9, 2017
Dupla é presa após invadir casa e fazer família refém em Aparecida
julho 9, 2017

Jogo foi no Estádio Olímpico

O Vitória conseguiu deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, pelo menos de forma provisória. Na tarde deste sábado, na abertura da 12.ª rodada, o time baiano derrotou o Atlético Goianiense por 2 a 1, no Estádio Olímpico, em Goiânia, e empurrou o maior rival Bahia para a degola. Com a vitória, a primeira em três rodadas, o Vitória chegou aos 12 pontos, subindo para o 16.º lugar, um à frente do Bahia. O Atlético-GO, por outro lado, segue na lanterna, com sete.

Membros da zona do rebaixamento antes do início do jogo, Vitória e Atlético-GO fizeram um começo de jogo bastante equilibrado. O time da casa foi um pouco superior, tentando assumir o controle das ações, mas não levou perigo, se precipitando nos momentos de finalização.

Longe de sua melhor jornada, os baianos encontraram espaço pelo lado esquerdo e conseguiram abrir o placar aos 36 minutos. Cleiton Xavier recebeu lançamento dentro da área e tocou para André Lima. Em posição legal, o centroavante completou para o fundo das redes dentro da pequena área. Ainda antes do intervalo, David quase ampliou depois de jogada individual. A trave salvou o Atlético-GO, que não se livrou das vaias da torcida.

Os mandantes voltaram para o segundo tempo com mudanças, uma delas a entrada atacante Walter. O Atlético-GO melhorou com as trocas e teve o total domínio da segunda etapa. Apesar da ofensividade, o time não estava inspirado e, assim, o goleiro Fernando Miguel praticamente não trabalhou.

O empate, depois de tanta insistência, aconteceu aos 23 minutos. Após cobrança de escanteio, Roger Carvalho desviou e a bola sobrou para Andrigo completar para o fundo das redes. Recuado depois do intervalo, o Vitória foi obrigado a sair do campo de defesa após levar o empate. Cleiton Xavier assumiu a responsabilidade e obrigou Felipe Garcia a fazer grande defesa em chute de fora da área. E a pequena blitz baiana deu resultado. Aos 41 minutos, o Vitória voltou a ficar na frente.

Depois de boa trama, Rafaelson deu corta-luz após passe de David, e Uillian Correia apareceu de surpresa para invadir a área e finalizar com precisão. O Vitória volta a campo contra o Vasco, na próxima quarta-feira, às 21h45, no Barradão, em Salvador. Na quinta-feira, o Atlético-GO encara o São Paulo, às 19h30, no estádio do Morumbi, na capital paulista.

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-GO 1 X 2 VITÓRIA

ATLÉTICO-GO – Felipe; Eduardo (Jonathan), Bauermann, Roger Carvalho e Bruno Pacheco; Marcão e Silva (Niltinho); Andrigo, Luiz Fernando e Breno Lopes (Walter); Everaldo. Técnico: Doriva.

VITÓRIA – Fernando Miguel; Patric, Kanu, Ramon e Thallyson; Willian Farias (Fred); Yago (Uilian Corrêa), Carlos Eduardo, Cleiton Xavier e David; André Lima (Rafaelson). Técnico: Alexandre Gallo.

GOLS – André Lima, aos 36 minutos do primeiro tempo. Andrigo, aos 23, e Uillian Correia, aos 41 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Rafael Traci (PR)

CARTÕES AMARELOS – Everaldo (Atlético-GO); Yago, Ramon e Rafaelson (Vitória)

RENDA – R$ 35.660.

PÚBLICO – 1.738 pagantes (2.857 total).

LOCAL – Estádio Olímpico, em Goiânia (GO).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: