Gamma Plus ainda não representa perigo para Goiás, avalia Ismael Alexandrino